15/09/2019

Jornal dos contos de fadas

Coisa difícil é saber o que é jornalismo nos dias de hoje. Atualmente as notícias falsas invadem as[…]

Contos de fadas moderno: três porquinhos contra o lobo mal da pós-verdade

Coisa difícil é saber o que é jornalismo nos dias de hoje. Atualmente as notícias falsas invadem as redes sociais e misturam fatos a fakes, news a nóias. E a ficção, o que tem a dizer? Aqui vão as versões de como seriam as notícias dos contos de fada em tempos de comunicação sensacionalista.

 

Médica é presa após receber dinheiro da máfia das próteses

A médica Branca de Neve foi presa esta manhã em sua mansão com 500 mil reais pagos pela máfia das próteses. A médica implantava prótese e órteses em pacientes saudáveis no hospital público de Campo Maior. A Polícia Federal cercou a mansão Castelo Branco, de propriedade da médica, e prendeu em flagrante Branca de Neve recebendo propina de sete anões empresários envolvidos no esquema fraudulento. O agente federal Príncipe Valente continua à procura de dois integrantes da quadrilha, Madrasta Malvada e Fiel Caçador, que fugiram da mansão por uma passagem secreta. “Um espelho mágico”, informou o agente.

 

Avó e neta denunciam compra de votos

Já faz dois meses que as eleitoras Chapeuzinho Vermelho, 16, e Vovozinha, 80, denunciaram o candidato Lobo Esfomeado ao TRE por compra de votos. Lobo Esfomeado, candidato a deputado federal, compra os votos dos eleitores da humilde Floresta Mágica na promessa de lhes oferecer cestas básica, sacos de cimento e emprego-fantasma no serviço público da região. Trilhando um caminho perigoso, Fiel Lenhador, juiz do TRE, arquivou o processo do futuro deputado e suspendeu o título eleitoral de Chapeuzinho Vermelho e Vovozinha por perturbarem a ordem pública dos poderosos da região.

 

Professora sofre ameaças de alunos na escola

Dona Bruxinha, 40 anos, é a professora mais querida do colégio Casa de Doces, uma escola para alunos do ensino fundamental. Mas depois de chamar a atenção de dois alunos que bagunçavam sua aula, a docente vem sofrendo constantes ameaças. Os dois alunos, os irmãos João e Maria, infernizam a vida da professora em redes sociais diariamente. Dona Bruxinha também afirma ter sofrido agressões físicas dos irmãos na frente da escola. O último abuso praticado por eles foi espalhar migalhas de pão no computador da professora Bruxinha. Os pais dos agressores, Lenhador e Esposa, nada fizeram porque são os diretores da escola e não irão expulsar os próprios filhos. A professora Bruxinha afastou-se da escola e começa seu tratamento psicológico hoje.

 

MST ocupa fazenda de agroempresário

Ocupações, tiros, gritos e muito corre-corre marcaram o fim de semana no Bosque Encantado, região próxima a Brasília. O líder do MST, Gigante ocupou uma das fazendas onde são plantados feijões mágicos pertencentes ao agroempresário João Pé de Feijão. Gigante afirma que o empresário furtou sua galinha de ovos de ouros na história original. Ele também acusar João Pé de Feijão de manipular deputados e senadores para impedir a discussão sobre a reforma agrária.  Gigante permanece na maior cela da Polícia Federal, já o empresário João Pé de Feijão será investigado pelo crime de estelionato: ele afirma vender feijões mágicos quando, na verdade, planta soja transgênica.

 

Cidadãos com necessidades especiais lutam por acessibilidade

“Acessibilidade, eu e minha esposa apenas queremos acessibilidade”. Este é o desejo do casal Soldadinho de Chumbo e Boneca Bailarina que sofrem restrições no dia a dia por conta de suas necessidades especiais. Ele é cadeirante e digitador; ela deficiente visual e recepcionista: ambos trabalham numa empresa que fica no bairro onde moram. Mas as calçadas desniveladas, os sacos de lixo soltos nas ruas e os motoristas impacientes tornaram-se empecilhos na vida do casal. No trabalho, Soldadinho de Chumbo e Boneca Bailarina afirmam que reuniões são realizadas sem a presença deles. “É como se fôssemos deficientes de tudo”, alega Bailarina. O casal atesta que a maior deficiência vivida por eles são os obstáculos encontrados no coração das pessoas.

 

Jovem rica furta sapato de cristal e alega inocência

Um sapatinho de cristal. Este foi o objeto furtado na joalheria Contos de Fadas pela universitária Cinderela, 19 anos. A jovem pertence a uma família de classe alta de Campo Maior e tem várias passagens pela delegacia. Cinderela alega inocência, mas a lista de furtos da garota é grande: bolsas de couro de jacaré, relógios suíços, diamantes africanos, pentes de ouro e perfumes importados. A dona da joalheria, Fada Madrinha, diz que este é o sexto furto da patricinha em sua loja. O advogado da acusada, Príncipe Enamorado, afirma que sua cliente é inocente, pois ela sofre de cleptomania, e que oa culpa é da madrasta de Cinderela que não soube educar a pobre menina rica.

 

Pastor explora a fé de três porquinhos

Um lobo mal, duas versões, três porquinhos. Nesta manhã, Cícero, Heitor e Prático, três porquinhos da Igreja Suíno Sagrado, acusaram o pastor Lobo Mal de desvio de dinheiro. Os três porquinhos afirmaram ao Ministério Público que ofertaram todos os seus bens no dízimo da Igreja para financiar uma excursão que nunca aconteceu. O pastor Lobo Mal desapareceu na Floresta Negra. A polícia não encontrou rastro do pastor larápio. Revoltados, os três porquinhos brigaram entre si e cada um seguiu sua vida: Cícero criou a seita Chiqueiro Suíno, uma sociedade secreta onde só entram leitões machos; Heitor voltou ao catolicismo romano; Prático ficou ateu, morreu de trombose e entrou para o reino dos céus.

E todos os leitores viveram iludidos para sempre…

.

 

Veja também