Famosos lamentam a morte de Paulo José e exaltam qualidades do ator

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A morte de Paulo José, aos 84 anos, deixou os colegas do mundo artístico em luto. Vários usaram as redes sociais para manifestar o pesar e também para exaltar as qualidades do ator, que morreu nesta quarta-feira (11) em decorrência de uma pneumonia.

Patricia Pillar, 57, que trabalhou com ele no filme “Pequenas Histórias”, disse que o colega era “um dos maiores atores brasileiros de todos os tempos”. “Ser humano generosíssimo e um ator brilhante. Seus personagens podiam ser leves e profundos ao mesmo tempo. Um artista gigante!”

Já Leandra Leal, 38, que contracenou com o ator em “Explode Coração”, o chamou de “mestre dos mestres”. “Na família que criamos nessa profissão, muitos são os pais, muitas são as filhas. Paulo foi o meu primeiro pai na ficção”, lembrou. “Eu me lembro com riqueza dos seus ensinamentos.”

Na terça-feira (10), Selton Mello, que foi colega de Paulo José no filme “O Palhaço”, havia usado as redes sociais para dedicar o trabalho dele em “Nos Tempos do Imperador”, novela das 18h da Globo, ao amigo, a quem chamou de “maior mestre”.

“[Foi] o ator que me mostrou a maneira de imprimir o máximo, com o mínimo de recursos”, comentou. “Ele me abriu portais. Meu amor por ele é gigante. Paulo, eu faço meu trabalho pensando sempre como você faria. Te amo.”

O ator, que estava internado havia 20 dias em um hospital no Rio de Janeiro, ficou célebre por protagonizar filmes como “Todas as Mulheres do Mundo”, de Domingos Oliveira, “Macunaíma” e “O Padre e a Moça”, de Joaquim Pedro de Andrade, além de novelas como “Por Amor” e “Explode Coração”.

Mais Notícias