Matt Damon diz que torce pelo namoro de Ben Affleck e Jennifer Lopez

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Melhor amigo de Ben Affleck, 48, o ator Matt Damon, 50, disse que apoia o relacionamento dele com Jennifer Lopez, 52. A afirmação foi feita durante participação no The Carlos Watson Show.

Quando o apresentador Carlos Watson perguntou a Damon se acreditava que o romance de Affleck e Lopez iria durar sobreviver, o ator respondeu que ninguém torce com mais força por isso que ele.

“Ambos são ótimos. Eu só quero a felicidade deles. Eles parecem muito felizes agora”, disse Damon, que tinha sido visto no início do mês em um passeio em uma praia em Malibu como casal.

O casal assumiu o namoro publicamente no dia 24 de julho, após rumores de que estavam dando uma segunda chance ao amor. Lopez postou uma foto no Instagram na qual aparece beijando o astro de Hollywood na comemoração do seu aniversário de 52 anos no Instagram.

As especulações sobre um novo romance entre os artistas começou em maio, dias após Lopez anunciar o rompimento do noivado com o ex-jogador de beisebol Alex Rodriguez, 45, com quem permaneceu por quatro anos. Já Affleck, colocou um ponto final na relação com a atriz Ana de Armas, 33, em janeiro, pouco menos de um ano após assumir o namoro.

Uma fonte disse ao site E! News ainda em maio que os dois se divertiam quando estavam saindo e as coisas estariam sendo fáceis, divertidas e emocionantes entre o casal. “Eles mantiveram contato ao longo dos anos, então os dois se reconectando não é uma grande surpresa para seus amigos. Affleck protege J.Lo e eles estão tentando ser o mais discretos possível”, disse.

Affleck e Lopez se relacionaram a primeira vez entre os anos de 2002 e 2004, quando colocaram fim ao noivado em janeiro daquele ano. Em junho do mesmo ano, a cantora se casou com o cantor Marc Anthony, 52, e juntos tiveram dois filhos, os gêmeos Emme e Maximilian, 13. Eles se divorciaram dez anos depois.

Affleck foi casado por 13 anos com a atriz Jennifer Garner, 49, com quem teve três filhos: Violet, 15, Seraphina, 12, e Samuel, 9.

Mais Notícias