08/12/2019

Educação intensifica atividades para Alfabetização na Idade Certa em Campo Maior

O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) já percorreu 21 escolas da rede municipal de Educação,[…]

O Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa (PNAIC) já percorreu 21 escolas da rede municipal de Educação, em Campo Maior, para avaliar o desempenho dos alunos. Os educadores que integram o programa detectam divergência entre idade e ano cursado e aplicam medidas para corrigir o problema.

A professora-formadora Joana Oliveira explica que o Plano Nacional da Educação (PNE) estabelece que todas as crianças devem aprender a ler e escrever até o 3º do ensino fundamental. O PNAIC é aplicado para que essa meta seja alcançada através do desenvolvimento de atividades específicas para os alunos que apresentam atraso na escolaridade.

“Muitas vezes o aluno não consegue acompanhar o conteúdo devido uma série de fatores, como problemas sociais, na família; algo faz com que ele não acompanhe. E nós realizamos esse monitoramento para identificar qual fator está atrapalhando em seu desenvolvimento e buscamos corrigir o problema para que ele saia do 3º ano sabendo ler e escrever”, comenta.

A secretária municipal de Educação, Conceição Lima, afirma que a rede municipal de ensino intensificou os trabalhos para que os alunos estejam nas séries corretas na idade certa. Para ela, as atividades do PNAIC são essenciais para identificar problemas e apontar soluções.

“Estamos com atenção especial voltada para que os alunos estejam na série certa na idade certa, porque entendemos que esse atraso pode prejudicar a criança por toda vida. Quanto mais cedo corrigirmos, mais chances teremos de tornar esse estudante um grande profissional do futuro”, aponta.

Veja também